PM É BALEADO DURANTE ASSALTO EM DIADEMA-SP

 



Gilberto Luiz de Campos Júnior tinha 44 anos e era cabo da Polícia Militar. Ele foi ferido no domingo (18) em Diadema, mas não resistiu ao ferimento e faleceu nesta segunda (19). Dupla que cometeu o crime estava em outra moto e é procurada.



Morreu nesta segunda-feira (19) o policial militar de folga que aparece num vídeo sendo baleado na cabeça durante tentativa de assalto, no dia anterior, em Diadema, no ABC Paulista. O crime ocorreu na na Rua Santiago, no bairro Taboão, e foi gravado por uma câmera de segurança (veja abaixo). Dois criminosos envolvidos fugiram numa moto sem levar a motocicleta da vítima.


A informação sobre a morte do cabo Gilberto Luiz de Campos Júnior foi confirmada pela assessoria de imprensa da Polícia Militar (PM). Ele tinha 44 anos, e deixou a esposa e dois filhos.


Gilberto foi ferido na tarde de domingo (18), quando estava na sua moto e foi abordado por dois criminosos numa outra motocicleta. Os bandidos tentaram roubar o veículo do PM, que também estava sem uniforme. Tanto os assaltantes quanto o policial usavam capacetes.


Mas ao notar que a vítima portava uma arma, um dos ladrões atirou três vezes contra Gilberto. Dois dos tiros não atingiram o PM, mas outro o feriu na cabeça.


O policial foi socorrido por uma ambulância e acabou levado ao Hospital Mário Covas, em Santo André, também no ABC. O homem não resistiu ao ferimento e morreu no dia seguinte.



Os ladrões fugiram na motocicleta que usavam. E não levaram a moto do PM. O caso foi registrado como tentativa de roubo no 3º Distrito Policial (DP) de Diadema. Com a morte de Gilberto, a Polícia Civil deverá investigar o crime também como latrocínio, que nesse caso seria a tentativa de roubo seguida de morte.


Até a última atualização desta reportagem nenhum suspeito havia sido identificado ou preso.


"Com profundo pesar, que informamos o falecimento de nosso policial militar na ativa, na tarde de hoje (19DEZ22). O Cb PM 973562-3 Gilberto Luiz de Campos Júnior, tinha 44 anos, estava na Corporação há 25 anos e foi vítima de latrocínio. O Graduado era casado, tinha 02 filhos; registrou sua carreira servindo no 6º, 12º e 13º Batalhões de Polícia Militar Metropolitano e Casa Militar nas atividades de patrulhamento e segurança institucional e de dignitários. Uma Instituição quase bicentenária tem sua história construída pelo trabalho e empenho de muitos, que dia a dia se entregam a fazer o que amam e a defender o que acreditam, sem esmorecer frente às dificuldades. Certamente o Cb PM Gilberto é parte dessa história. Somos gratos por todo legado deixado", informa nota divulgada pela Polícia Militar.




Fonte: G1














                                       OUTRO CASO



São Paulo


O outro caso envolvendo um policial militar baleado ocorreu também na tarde domingo, mas na Freguesia do Ó, na Zona Norte de São Paulo.

Vídeo gravado por câmera de segurança mostra o momento que dois bandidos numa motocicleta se aproximam do PM de folga, que estava na sua moto, parado no semáforo.

Os criminosos anunciam o assalto, mas o policial tenta escapar, dando ré na moto. Em seguida, um dos bandidos atira na perna da vítima, que cai com o veículo.

Os assaltantes fogem na motocicleta, sem levar a moto do PM. Mesmo caído, o policial sacou sua arma e atirou na direção dos criminosos.

A Polícia Civil investiga se um dos bandidos foi atingido pelo disparo.

O policial baleado foi socorrido por um helicóptero da PM e acabou levado ao Hospital das Clínicas, no Centro de São Paulo. Não há informações sobre o seu estado de saúde.

Procurada para comentar o assunto, a Secretaria da Segurança Pública (SSP) informou que a polícia procura identificar e prender os quatro criminosos que participaram das tentativas de roubo aos dois PMs.















10 comentários:

  1. Nao entendi, protegido pelo capacete?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Faz sentido pois o capacete ajudou a bala não entrar com tudo no crânio

      Excluir
  2. Esse cara não têm 44 anos nem fudendo kk

    ResponderExcluir
  3. se nao fosse o capacete era ralo. que sorte

    ResponderExcluir
  4. Ué no jornal falou que o policial morreu, agora quem ta dizendo a verdade ?

    ResponderExcluir
  5. Esse vídeo falando que tá bem é ele mesmo? Porque passou no SBT que esse PM aí morreu

    ResponderExcluir
  6. Agora é só esperar 😏👌....

    ResponderExcluir
  7. Gente prestem atenção na matéria, são dois casos um policial morreu no 1° vídeo ,já o 2°caso o policial sobreviveu

    ResponderExcluir

PERFIL COM NOME ESCROTO E COMENTÁRIOS IMBECIS, NÃO SERÃO ACEITOS NAS POSTAGENS.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do Blog ou que contenham palavras ofensivas.

Tecnologia do Blogger.