MULHER É MORTA DURANTE BOMBARDEIO PELAS TROPAS UCRANIANA


Maria Pirogova era Membro do Conselho Popular do DPR e foi morta durante um bombardeio das tropas ucranianas




Um parlamentar que era um grande apoiador de Vladimir Putin foi morta em um bombardeio ucraniano, afirmam relatórios russos.


Maria Pirogova, 29, era membro do parlamento separatista não reconhecido da República Popular de Donetsk (DPR) desde 2018.


Diz-se que ela morreu em um ataque com foguete contra posições pró-Rússia em Donetsk.


Um porta-voz da Milícia Popular do DPR disse à TASS na terça-feira: 'Confirmamos a morte dela.'







16 comentários:

  1. Respostas
    1. Num vá gadar n ein kk

      Excluir
    2. Pior que tenho que concordar. Minha namorada é ucraniana. Linda d+.

      Excluir
    3. Ucranianas é meu pa# na suas entranhas...

      Excluir
  2. Respostas
    1. Não! isso foi na Bahia... Jogaram uma bomba de acarajé com pimenta nas baianas.

      Excluir
  3. "imagine there's no countries
    it isn't hard to do
    nothing to kill or die for
    and no religion too
    imagine all the people
    living life in peace"
    🕊️✌🏻☮️🤗

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tanto como países e religião as pessoas não se respeitam e porém se matam a toa!

      Excluir
  4. Minha nossa isso está um caos têm que parar logo pois quantas gentes inocentes são mortos nessas violência.
    culpa do presidente putão que fez essas guerras aquele monstro.

    ResponderExcluir
  5. Nossa que azar meu, que descanse em paz 😓

    ResponderExcluir
  6. Mulher bonita da até dó quando morre.

    ResponderExcluir
  7. Título do Vídeo:
    "Mulher é morta durante bombardeio..."
    Está errado isso aí, eram duas pessoas, ou a outra sobreviveu???

    ResponderExcluir

PERFIL COM NOME ESCROTO E COMENTÁRIOS IMBECIS, NÃO SERÃO ACEITOS NAS POSTAGENS.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do Blog ou que contenham palavras ofensivas.

Tecnologia do Blogger.