JOVEM É MORTO A TIROS ENQUANTO DORMIA NA REDE EM DOM PEDRO-MA

 


 Um jovem identificado como Alessandro, foi executado com vários tiros no rosto, após ter a casa invadida por bandidos armados.



Segundo relatos de testemunhas, quatro criminosos chegaram na localidade em duas motocicletas e invadiram a residência. O jovem estava deitado em uma rede e foi surpreendido com vários tiros na cabeça.


 Nas redes sociais, Alessandro tinha costume de postar fotos fazendo sinais com os dedos, similares aos símbolos de facções.




Sem mais informações...



12 comentários:

  1. Como é que a pessoa é leza a ponto de fazer sinal de facção? É a mesma coisa que dizer "facção rival, me matem"

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Em Dom Pedro não tem facções, esse aí deve ter feito algo de errado!

      Excluir
  2. Pessoal tem que ficar esperto. Hoje em dia nem o símbolo do Hin & Yang (Town & Country) se pode usar infelizmente. Fazer foto com simbolo parecido com de facção já é vacilação. Fazer igual é encomendar a morte.

    ResponderExcluir
  3. Hoje e moda fazer um 2 em todas as redes sociais só tem gente e principalmente novinhas fazendo sinal do 2.
    Se for matar todo mundo que faz o 2 aí o fim do mundo kk
    E até um perigo..
    Vai saber desse rapaz sei não meio suspeito 🤔
    Fds!.. Vou fazer um aqui.✌️😈

    ResponderExcluir
  4. A prova de que ele não era faccionado é a ft com cara de lecy.....
    🤔....
    Taporra morreu por besteira.... 👌

    ResponderExcluir
  5. Mas q burro. Fazer esses sinal com dedos coisa tão antiga isso todos já sabem.

    ResponderExcluir
  6. Mancada é morrer dormindo, só foi acordar com o despertador de São Pedro xD

    ResponderExcluir
  7. Sacanagem pode nem durmi em paz

    ResponderExcluir

PERFIL COM NOME ESCROTO E COMENTÁRIOS IMBECIS, NÃO SERÃO ACEITOS NAS POSTAGENS.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do Blog ou que contenham palavras ofensivas.

Tecnologia do Blogger.