HOMEM É MORTO A TIROS EM SÃO FÉLIX DO XINGÚ

 



Um homem que não teve identidade revelada foi morto a tiros, na manhã desta segunda-feira (12), em São Félix do Xingu, no sul do Pará. De acordo com informações de testemunhas, atiradores executaram a vítima no meio da rua e fugiram logo em seguida. Com informações do site Debate Carajás.


O homem foi alvejado no momento em que trafegava em uma motocicleta pela cidade. Uma imagem compartilhada nas redes sociais, logo após o crime, mostra a vítima jogada ao chão, próximo do meio fio. Dezenas de curiosos se aproximaram do corpo. A Polícia Civil de São Félix do Xingu abriu inquérito para investigar o caso.


A Polícia Científica do Pará (PCP) foi acionada para analisar e remover o corpo à sede do Instituto Médico Legal (IML), onde são realizados exames que apontam a causa da morte, assim como testes que devem ajudar a Polícia Civil a esclarecer a dinâmica do crime.


Ainda não há informações sobre o que pode ter motivado o assassinato. Durante o processo investigativo, a polícia deverá ouvir testemunhas e analisar imagens de câmeras de segurança, na tentativa de identificar os criminosos, para, então, esclarecer a motivação do homicídio.




Fonte: O Liberal 








9 comentários:

  1. Familiar desesperado me pega um pouco

    ResponderExcluir
  2. Esse foi andar de moto no outro lado...

    ResponderExcluir
  3. Foi o kapeta que fez ízu com ele! Quem mais poderia ser?
    🍬😵🍬🍬🔫👿
    nunca vi adesivo no banco da moto principalmente onde vao coloca os cous.💩🖕🏽🤮 i parece ser adesivo de político!😁🖕🏽XiNGú. 7 piks nu teu cum e de quem Lee isso aqui🖕🏽😀iiiiii

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bicha braba.... 🏳️‍🌈🏳️‍🌈🏳️‍🌈

      Excluir
    2. 🗣EeeeepÁ Bicha não.
      vem assistir os vídeos do Lafon☻🖕🏽 comi.vem.

      Excluir
  4. 🗣️📢 Bem feito seu Nutella seu pai tomou naquele lugar onde o adesivo tava colado 👌🏻👈🏻😂😂😂😎🌿🌿🚬

    ResponderExcluir

Atenção! Deixe um comentário nas postagens, as quais os vídeos não estão abrindo para refazer o upload.

Tecnologia do Blogger.