ENGENHEIRO ARMADO REAGE A ASSALTO E É MORTO A TIROS EM BELÉM

 




Ruy Martins dos Santos Júnior, de 38 anos, foi morto a tiros na manhã deste sábado (10), no bairro de São Brás, em Belém. O crime foi após uma tentativa de assalto na avenida Gentil Bittencourt, entre as travessas Três de Maio e Nove de Janeiro. O objeto alvo dos ladrões seria um cordão de ouro que a vítima usava. Um homem que estava na parada de ônibus em frente ao local foi vítima de bala perdida. Ele chegou a ser socorrido e encaminhado para o hospital mais próximo. Os assaltantes fugiram sem levar nada.


Policias do 2º Batalhão de Polícia Militar e peritos da Polícia Científica estavam realizando as diligências. Por volta de 9h45, os criminosos chegaram ao local do crime. Ruy era contratado para fazer a demolição de um imóvel que seria ponto comercial, obra que começou há cerca de duas semanas e tinha previsão para finalizar na próxima segunda-feira. Diante da abordagem, ele reagiu e sacou a arma. Houve briga e disparos — um deles atingiu o homem na parada de ônibus e um carro próximo —, até que o criminoso conseguiu balear a vítima fatalmente. Não houve chance de socorro para Ruy. Apesar de tudo, os assaltantes não levaram a pistola.


Um familiar da vítima informou que Ruy era praticante de tiro e já havia feito cursos. Já os quatro disparos que o atingiram — dois no tórax, um no braço e outro no peito — foram de munição 9 milímetros, um calibre restrito ao uso de forças armadas, indicando que a arma foi adquirida de forma ilegal pelos criminosos.


As obras do dia no local começaram por volta das 7h30. De acordo com informações de testemunhas, os assaltantes chegaram de moto na contramão da via e o abordaram quando ele estava de costas. Ruy era dono de uma mini carregadeira que auxiliava na demolição das paredes. “Hoje o trabalho estava quase para acabar, no máximo na segunda-feira ele iria finalizar, fazer toda a limpeza, retirar tudo. Só que ocorreu essa fatalidade. A surpresa é que foi muito de repente”, conta.


A ideia da obra era justamente coibir a ação da criminalidade na área, que mesmo sendo central, não ficava livre das tentativas. “Tem muitos relatos por aqui, inclusive de dentro dessa obra. Essas casas estavam abandonadas, sempre tinha gente tentando invadir para roubar porta, fiação. Já roubaram bastante vezes”, afirmam testemunhas.


Informações apontam que os assaltantes estavam numa moto Honda Bros de cor azul. Ambos sem capacete e um deles vestia roupas totalmente pretas com um chapéu amarelo. Imagens de câmeras próximas conseguiram registrar toda a ação.


Quaisquer informações que possam ajudar na solução do caso podem ser encaminhadas ao Disque-Denúncia (181), ou ao Centro Integrado de Operações – Ciop (190). A ligação é gratuita e pode ser feita de qualquer telefone. Também é possível mandar fotos, vídeos, áudios e localização para a atendente virtual Iara, pelo WhatsApp (91) 98115-9181. Em ambos os casos, não é necessário se identificar.


Fonte: O Liberal









Nenhum comentário:

PERFIL COM NOME ESCROTO E COMENTÁRIOS IMBECIS, NÃO SERÃO ACEITOS NAS POSTAGENS.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do Blog ou que contenham palavras ofensivas.

Tecnologia do Blogger.