TRAVESTI É ASSASSINADA NA FRENTE DE UM BAR EM CASTANHAL




A travesti que não teve o nome divulgado, foi executado a tiros no bairro Novo Caiçara em Castanhal no Pará.



A vítima ainda tentou buscar abrigo para se proteger dos tiros, mas acabou sendo alcançada e executada próximo ao um boteco conhecido como Vegas Bar.







29 comentários:

  1. Pqp, pegaram o príncipe enquanto ele se prostituía por bombons.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Faço apenas com garotas...

      Excluir
    2. Quem senta é o sublime.

      Excluir
    3. imagino a mente do principe "Que isso amiga abafa essa morte foi um Oh bixa que isso mona das mona to chocada garota hur"

      Excluir
    4. De Dia Kadu de noite Daku..deva ficar igual uma cachorr@ sarrando o c# na placa chega fica um rapado de bost@ no ferro da placa.. fazendo os programa na night xD

      Excluir
    5. eu sento em você príncipe haha

      Excluir
    6. Torácio pelo seu analfabetismo deve trabalhar na roça, ele é o cara que recebe entrega de toras e guarda no c#. Kkkk

      Excluir
    7. Vc só não é mais engraçado do que seria seu peido morrendo...

      https://youtu.be/i9o1o4DZABA?t=35

      Excluir
    8. Eu ri com o que ele falou, sabe por que?! Porque é verdade ksksksksks. https://youtu.be/GyrW8W3LVdU

      Excluir
    9. Não, você não senta.

      Excluir
    10. ESTOURA TUA KABEÇA, SEU LOIRO-BODE

      Excluir
    11. Estrupo? Cadê o consenso sublime?

      Excluir
  2. você me deixou triste
    cheio de tesão
    arrombou as portas
    do meu curação

    ResponderExcluir
  3. a mãe fala filho não fica em porta de bar que ta perigoso, o filho responde mim deixa minha vida e morrer no bar, e acaba morrendo mesmo da pior forma

    ResponderExcluir
  4. Arrebentaram com o VIADO ahahahahhahaha
    Vai beber de novo VIADÃO IMUNDO raça de merda

    ResponderExcluir

ATENÇÃO!

ATIVE OS COOKIES DO SEU NAVEGADOR PARA PODER COMENTAR NO SITE.

Comentários anônimos não serão aceitos.
Coloquem um nome antes de comentar.

Tecnologia do Blogger.