HOMEM MATA IRMÃ E TIA A FACADAS EM GOIÂNIA

 


Vídeo mostra o momento em que vizinho encontra os corpos das vítimas dentro da casa e quando o suspeito briga com um homem no meio da rua


 Um homem de 37 anos é suspeito de matar a irmã e a tia a facadas dentro de casa, em Senador Canedo, na região metropolitana da capital goiana. O crime ocorreu na manhã desta sexta-feira (26/11).


Um vizinho da família foi quem encontrou os corpos das vítimas dentro da residência, localizada no Residencial Marília. O suspeito saiu armado pelas ruas da cidade e chegou a brigar e tentar esfaquear um homem que tentou contê-lo.


A irmã tinha 31 anos de idade e a tia estava com 60 anos. A identidade das vítimas ainda não foram divulgadas pela polícia. Já o suspeito foi identificado como Pedro Rosário Leite.


Uma criança que estava no interior da casa, que seria sobrinha dele, foi encontrada com vida e sem ferimentos. Trata-se de um menino, que seria filho da irmã assassinada.



Os vizinhos ouviram os gritos de socorro e o barulho da discussão que Pedro teve com a irmã e a tia, antes de supostamente matá-las. O vizinho que entrou na casa logo após o ocorrido fez o registro em vídeo e mostrou o corredor do imóvel com marcas de sangue no chão.


Segundo a Polícia Militar de Goiás (PMGO), o homem que aparece no vídeo sendo atacado pelo suspeito no meio da rua é um pedreiro. Ele ficou ferido, foi levado ao hospital e passa bem.


Abordagem e prisão


Uma viatura da PM que fazia patrulhamento na região encontrou Pedro na rua, ainda armado com uma faca, e fez a abordagem, antes de saber que ele era o responsável pela morte das duas mulheres.



O homem reagiu à ação dos policiais e recebeu um tiro na perna. Após ser imobilizado e capturado, ele foi encaminhado para o Hospital de Urgências de Goiânia (Hugo), onde recebe atendimento médico.


O tiro o atingiu na perna direita e a avaliação médica aponta estado geral de saúde estável, até o momento. O Instituto Médico Legal (IML) e a Polícia Civil de Goiás (PCGO) estão no local do crime.


Fonte metrópoles





Nenhum comentário:

Perfil com o nome escroto e comentários imbecis, não serão aceitos nas postagens.

Tecnologia do Blogger.