MOTOCICLISTA MORRE ATROPELADO POR ÔNIBUS NA AVENIDA AUGUSTO MONTENEGRO

 O acidente ocorreu perto do residencial Natália Lins, no bairro Parque Verde, em Belém. Mulher ficou ferida e foi socorrida




Uma pessoa morreu e outra ficou ferida em um grave acidente entre uma motocicleta e um ônibus na pista do BRT, na avenida Augusto Montenegro, bairro Parque Verde, em Belém, no final da manhã desta segunda-feira (25). A vítima fatal é o autônomo José Antônio Braga de Souza, e a ferida é a namorada dele, identificada apenas como Ágata. Ela foi socorrida e levada para o Hospital Metropolitano de Urgência e Emergência (HMUE), em Ananindeua.



O acidente aconteceu por volta das 11h, quase em frente ao conjunto residencial Natália Lins. Testemunhas disseram à Polícia Militar que o casal estava em uma motocicleta, ambos sem capacete, e tentava atravessar a pista do BRT quando o ônibus da linha 40 Horas teria avançado o sinal vermelho em alta velocidade e colidido com o veículo menor.

Com a força da colisão, a motocicleta foi parar embaixo do coletivo e o casal foi arremessado por vários metros. José Antônio sofreu traumatismo craniano e morreu antes da chegada da ambulância. Já Ágata ficou ferida e foi socorrida por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e levada para o Hospital Metropolitano, onde permanece em observação.


Familiares contaram que José Antônio trabalhava na Central de Abastecimento do Estado do Pará (Ceasa), e que não queria sair de casa, mas teria sido convencido pela namorada, que não queria comer a comida da sogra e pediu para ir almoçar em um restaurante. Também relataram que no momento do acidente os dois estariam discutindo, mas a informação não chegou a ser confirmada pela polícia.

O motorista do ônibus foi conduzido à Seccional Urbana da Marambaia para prestar depoimento sobre o caso. Não há maiores informações sobre o atual estado de saúde de Ágata. O corpo de José Antônio foi removido por uma equipe do Centro de Perícias Científicas Renato Chaves (CPCRC) para o Instituto Médico Legal (IML), de onde será liberado para a família.


Fonte: O Liberal.













Nenhum comentário:

ATENÇÃO!

Comentários imbecis que não tem nada a ver com as postagens, não serão aceitos.

Tecnologia do Blogger.