CANTOR DE RAP E ATLETA OLÍMPICO SÃO EXECUTADOS A TIROS NO EQUADOR

 


Velocista equatoriano campeão do Pan é assassinado em Guayaquil


Alex Quiñónez, 32 anos, foi morto na cidade que virou epicentro da violência no Equador: em 10 meses, são quase 2 mil assassinatos na maior cidade do país


Campeão dos 200m nos Jogos Pan-Americanos de Lima 2019, bronze na prova no Mundial de Doha 2019 e finalista olímpico em Londres 2012 também nos 200m, o equatoriano Alex Quiñónez foi assassinado, nesta sexta-feira, em Guayaquil, onde morava. Ele tinha 32 anos.


A notícia se tornou viral no mundo porque o velocista equatoriano foi um dos atletas mais emblemáticos do país na última década.






CANTOR DE RAP


A segunda vítima foi um cantor de Rap, identificada como Jojairo Arcalla Ramírez .


 Jojairo Arcalla Ramírez, era conhecido pelo nome artístico "Jojairohp" e no momento da execução, o rapper estava ao lado do atleta olímpico, os dois foram assassinados com tiros na  cabeça.



 




Execução.






Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.