HOMEM É MORTO APÓS SER INTERROGADO POR TRAFICANTES NO BAIRRO ANTÔNIO ALEIXO-MA

 


Um mototaxista, de 51 anos, foi assassinado na tarde desta quarta-feira (14), em área de mata no bairro Colônia Antônio Aleixo, Zona Leste de Manaus. A morte foi filmada pelos criminosos com um celular. Um dos envolvidos no crime foi preso com o aparelho horas após o caso.

Policiais da Força Tática faziam patrulhamento de rotina na Bola da Suframa, bairro Crespo, e avistaram um homem em atitude suspeita por volta das 16h. Segundo o tenente Carvalló, a PM abordou e revistou o suspeito. Apenas um celular foi encontrado.

"No momento que a equipe fez alguns questionamentos sobre esse celular, ele disse que o aparelho não era dele, tinha encontrado. Depois disse que pertencia à esposa, então houve controvérsias em relação à origem desse aparelho", explicou.

Ainda segundo o tenente, quando a equipe tentou mexer no aparelho para identificar se era produto de roubo ou furto, o homem informou sobre o crime.

"Ele logo disse que tinha acabado de sair de uma 'situação', e depois confessou que tinha sido um homicídio que ele tinha praticado horas antes, supostamente algum problema com dívida ou suposto desaparecimento de uma certa quantidade de entorpecentes, o que foi possível identificar com os vídeos que encontramos no aparelho", disse.


Após o homem confessar o crime aos policiais, a Força Tática foi até à Delegacia de Homicídios e Sequestros. Depois, os policiais foram até o local do crime, onde o corpo da vítima foi encontrado.

O G1 teve acesso às imagens no celular. Um grupo de criminosos leva o homem para a área de mata e o questiona sobre o desaparecimento de drogas. A vítima seria responsável por esse sumiço. O homem é questionado pelos criminosos e agredido. Depois, as imagens mostram a vítima morta com tiros na cabeça.

O preso chegou a indicar os locais que estariam os outros envolvidos para a polícia, que realizou mais buscas, porém eles não foram encontrados.

"Ele [preso] realizou algumas ligações para líderes de alguma facção criminosa que ele pertence e no momento dessas ligações é dada a autorização para executar essa vítima", completou o tenente.


Fonte do texto: G1




Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.