PILOTO MORRE CARBONIZADO APÓS SOFRER ACIDENTE COM ULTRALEVE


Uma aeronave caiu minutos depois de sua decolagem na tarde deste sábado (29). O piloto de 56 anos morreu carbonizado. Além dele, não houve mais nenhuma vítima. Ainda não se sabe a causa do acidente.

O caso ocorreu no aeroclube de Aracaju (SE). De acordo com o Corpo Bombeiros, o ultraleve pegou fogo depois da queda, ao bater de frente com a parede de uma casa e o muro de uma quadra de esportes de um colégio, na zona oeste de Aracaju.

No vídeo é possível ver que a aeronave estava voando baixo, próximo aos telhados das casas e, em seguida, perdeu altura e caiu. No momento da queda os moradores correram na tentativa de socorrer o piloto. Eles tentaram apagar o fogo usando baldes com água, mas logo as chamas consumiram o avião. A Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros encontraram corpo do piloto carbonizado.

Uma equipe do Instituto Médico Lega (IML) de Aracaju esteve no local para fazer a remoção do corpo para ser submetido a necropsia. A área foi isolada para preservar o local e evitar a entrada de curiosos.

O nome do piloto ainda não foi divulgado. Segundo o aeroclube de Aracaju, a aeronave era de propriedade dele e o mesmo tinha habilitação para pilotar e costumava voar por hobby nos fins de semana. O ultraleve estava em situação regular. O aeroclube não informou o modelo e ano de fabricação da aeronave.





Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.